FISIOTERAPEUTA ESPECIALIZADA EM UROGINECOLOGIA E OBSTETRÍCIA

BARBARA ZUZARTE

SE CUIDAR É SEMPRE IMPORTANTE

Olá! Meu nome é Barbara Zuzarte, sou fisioterapeuta com especialização em uroginecologia e obstetrícia.

Me formei como fisioterapeuta pela Universidade Veiga de Almeida em 2016, e finalizei minha pós-graduação em 2018.

Tenho diversos cursos na área, mas o que mais amo tratar dentro do consultório são as disfunções sexuais famininas e disfunções miccionais.

Espero que você goste de conhecer um pouco do meu trabalho navegando por aqui e, em breve, agende sua avaliação .

Ao final da página deixei meus contatos e meu local de trabalho, então qualquer dúvida me manda uma mensagem que te ajudo.

 

Um beijo e até breve 

Atendimentos

Urologia (Incontinência, bexiga hiperativa, pós-prostatectomia)

Ginecologia (Vaginismo, vulvodínia, endometriose, dispareunia)

Obstetrícia (Exceto sala de parto)

Coloproctologia (Incontinência fecal, constipação intestinal)

Diástase abdominal

Pilates (Gestante, Mat Pilates e Aparelhos)

Vaginismo é caracterizado pela contração involuntária dos músculos pélvicos, podendo impedir total ou parcialmente a introdução de pênis e objetos como, por exemplo, um absorvente interno, coletor menstrual ou um espéculo de exame ginecológico.
A Vulvodínia é uma condição onde existe dor ou desconforto crônico na região da vulva. Causa sintomas como dor, irritação, vermelhidão ou sensação de picada na região genital, podendo ser confundida com candidíase e outras doenças vulvovaginais.
A diástase abdominal é o afastamento dos músculos reo-abdominais causado por uma instabilidade da linha alba e fragilidade e disfunção de outros músculos abdominais. acontece, geralmente, em mulheres na gestação ou pós-parto. Pode acontecer em homens e mulheres que nunca tiveram filhos.
Endometriose é uma condição na qual o endométrio, mucosa que reveste a parede interna do útero, cresce em outras regiões do corpo. Alguns sintomas da doença são: dores no período menstrual, infertilidade e dores nas relações sexuais, especialmente com penetração profunda.
Obstetrícia é a atuação fisioterapêutica em gestantes, durante o trabalho de parto e no pós parto, de acordo com a necessidade individual de cada mulher.
Dispareunia é o nome dado ao transtorno, de causas físicas ou psicológicas, caracterizado pela dor genital durante ou após o sexo. Pode acometer homens e mulheres, embora seja mais comum no segundo grupo.

Vaginismo

Vaginismo é caracterizado pela contração involuntária dos músculos pélvicos, podendo impedir total ou parcialmente a introdução de pênis e objetos como, por exemplo, um absorvente interno, coletor menstrual ou um espéculo de exame ginecológico
Marque Sua Avaliação

Vulvodínia

A Vulvodínia é uma condição onde existe dor ou desconforto crônico na região da vulva. Causa sintomas como dor, irritação, vermelhidão ou sensação de picada na região genital, podendo ser confundida com candidíase e outras doenças vulvovaginais
Marque Sua Avaliação

Diástase Abdominal

A diástase abdominal é o afastamento dos músculos reo-abdominais causado por uma instabilidade da linha alba e fragilidade e disfunção de outros músculos abdominais. acontece, geralmente, em mulheres na gestação ou pós-parto. Pode acontecer em homens e mulheres que nunca tiveram filhos
Marque Sua Avaliação

Endometriose

Endometriose é uma condição na qual o endométrio, mucosa que reveste a parede interna do útero, cresce em outras regiões do corpo. Alguns sintomas da doença são: dores no período menstrual, infertilidade e dores nas relações sexuais, especialmente com penetração profunda.
Marque Sua Avaliação

Obstetrícia

Obstetrícia é a atuação fisioterapêutica em gestantes, durante o trabalho de parto e no pós parto, de acordo com a necessidade individual de cada mulher
Marque Sua Avaliação

Dispareunia

Dispareunia é o nome dado ao transtorno, de causas físicas ou psicológicas, caracterizado pela dor genital durante ou após o sexo. Pode acometer homens e mulheres, embora seja mais comum no segundo grupo.
Marque Sua Avaliação
Reproduzir vídeo

Educador perineal: você já conhecia?

Usamos o educador para ensinar para as pacientes o jeito certo de contrair os músculos pélvicos. Quando a contração certa é realizada, a antena direciona para baixo. Não mover ou mover para cima pode indicar pouca contração ou contração errada (quando a força é para expulsar em vez de puxar para dentro).

Obs: Não faça uso sem antes passar por uma avaliação, nem toda paciente tem indicação para usar! Procure um profissional especializado ☺️

São diversos os recursos a serem utilizados em uma consulta.

Telefone:+55 (21) 98897-0094

@2021 -Todos os direitos reservados – ©Jonas

Carioca Offices

Avenida Vicente de Carvalho, 909,

Sala 1012 ,

Vicente de Carvalho, RJ

Recursos a serem utilizados em uma consulta

Esses da foto são os que eu gosto de utilizar/indicar e tenho no consultório. Da esquerda para a direita estão :
🔸 Peridell: esse rosa, com várias ponteiras. É usado como massageador e dessensibilizador por ter vibro.
🔸Dilatadores: são os coloridos ao fundo da foto. Também podem ser utilizados como massageadores e, no caso desses, podem ser usados quentes ou gelados também, dependendo do objetivo do tratamento.
🔸 Dualpex plus: usado como Biofeedback ou eletroestimulador, para treino de músculos do assoalho pélvico ou para analgesia.
🔸Educador perineal: esse branco, logo abaixo do dualpex. Tem como objetivo também treino e um feedback visual de como realizar a contração de forma correta.
🔸Ddell: esse azul claro, é um massageado perineal.
🔸 Laser: ainda com poucas evidências, mas tem sido bem utilizado em casos de dor pélvica e fissura/ laceração perineal.
🔸Cones vaginais: os coloridos logo abaixo do laser. São utilizados para fortalecimento da musculatura pélvica.

×